Blogue de dinamização do Plano Nacional de Leitura

.posts recentes

. Da Poesia à Prosa - O Can...

. Contos para RIR - O Canár...

. Contos para Rir - O Canár...

. Luísa Ducla Soares

. A menina do Mar

.arquivos

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

.livros em estudo

. 1.º/4.ºano(1)

. 2.º/4.º ano(3)

. andresen(1)

. figueiredo(1)

. luísa ducla soares(4)

. maria josé(3)

. menina do mar(1)

. semana leitura 2008(1)

. uie(1)

. todas as tags

.Autor

Títulos
Tag 1
Tag 2
Tag 3
Autor
Tag 1
Tag 2
Tag 3
ano escolaridade
Tag 1
Tag 2
Tag 3

.teste de caminho

Títulos
Alice Vieira
Tag 2
Tag 3
Autor
Tag 1
Tag 2
Tag 3
ano escolaridade
Tag 1
Tag 2
Tag 3
Terça-feira, 27 de Maio de 2008

Da Poesia à Prosa - O Canário

 

  

 


 Trabalho realizado pelos Alunos do 2.º e 4.º ano que consistiu em transformar um texto poético em prosa.
 
 

 

 

 

 


 

E agora...

da poesia à prosa

 

Era uma vez um menino que caçou um lindo canário amarelo e meteu-o numa linda gaiola.
 
Pelo Natal, mando-o de presente à Rainha que o pôs na melhor sala que tinha.
 

 

 
Vinham fidalgos e as suas damas de muito longe para ouvirem o trinar do canário cantor. Também vinham orquestras e fadistas que até choravam.
 
 
Numa noite de Inverno o canário constipou-se e adoeceu. Taparam-no com cobertores, deram-lhe chá de limão e três gotinhas de vinho dão.
 
O canário piorou, tossia e espirrava sem parar. Vieram cem doutores de bata branca e acharam que a doença era muito grave. Deram-lhe muitos comprimidos e injecções, uma delas a maior trespassou-lhe o coração.
 
 
O canário morreu a Rainha desmaiou e todos se vestiram de luto no triste funeral.
 
Vieram todos os pássaros e veio também o gato que a abriu a boca e meteu o canarito no bucho.
 
A rainha gritou:
 
-Aí o meu canário que está sepultado na barriga do gato.
 
 
 
 
A rainha guardou o gato para sempre e continuam a vir de longe fidalgos ouvir o gato miar e miam os violinos para o acompanhar.
 
 

 


 

publicado por historiasdogualdim às 23:25
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 26 de Maio de 2008

Contos para RIR - O Canário

Sinopse
 



Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para o 3º ano de escolaridade destinados a leitura orientada na sala de aula - Grau de Dificuldade I

 

Um livro com contos tradicionais divertidos, recontados por Luísa Ducla Soares que lhes acrescentou novas peripécias e uma dose redobrada de humor, e com belas ilustrações coloridas.

 

publicado por historiasdogualdim às 09:55
link do post | comentar | favorito

Contos para Rir - O Canário

 

 

O Canário visto pela Ângela

 

Trabalho realizado pela menina Ângela da UIE - Unidade de Intervenção Especializada, a funcionar aqui na nossa escola.

publicado por historiasdogualdim às 09:29
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 3 de Abril de 2008

Luísa Ducla Soares

 

 

Biografia

Luísa Ducla Soares nasceu em Lisboa a 20 de Julho de 1939, onde se licenciou em Filologia Germânica.
O seu primeiro livro de poesia data de 1970 e intitula-se Contrato.
Tem-se dedicado como estudiosa e autora à literatura infanto-juvenil.
Publicou 45 obras infanto-juvenis.
Recebeu o "Prémio Calouste Gulbenkian para o melhor livro de literatura infantil no biénio 1984-1985" e o "Grande Prémio Calouste Gulbenkian" pelo conjunto da sua obra em 1996.
Colaborou na página infantil do Diário Popular e na revista Rua Sésamo.
As suas obras encontram-se traduzidas em diversos línguas, nomeadamente francês, catalão, basco e galego. 

 


livros em estudo:
publicado por historiasdogualdim às 23:17
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 31 de Março de 2008

A menina do Mar

Ilustração da história pelos meninos do 4.º ano.

os versos foram retirados de um jornal...

 

" class="ljvideo"> 

publicado por historiasdogualdim às 12:46
link do post | comentar | favorito

.Quem foi Gualdim Pais?

Gualdim Pais foi um Cavaleiro Medieval, que nasceu possivelmente em Amares a 1118 e teria sido armado cavaleiro em Ourique por D. Afonso Henriques. Com a cruz dos cruzados, partiu para a Palestina, onde teria participado no Cerco de Gaza. Já em Portugal pertencendo à Ordem do Templo, foi eleito comendador da Casa que a Ordem tinha em Braga. D. Afonso Henriques, em 1152, fê-lo comendador de Sintra, dando-lhe casas e fazendas e em 1157 foi elevado a grão-mestre da Ordem dos Templários. D. Gualdim Pais veio a construir o Castelo de Tomar. Em Setembro de 1169, ficou encarregado da defesa da fronteira da Estremadura e também do prosseguimento da conquista, tendo como recompensa um terço de tudo quanto ganhasse para o reino.Em 1184 regressou a Tomar, pois a cidade estava sob cerco. Foi fundador dos Castelos de Almourol, Ceres, Idanha, Monsanto, Pombal e Tomar e concedeu várias cartas de foral a variadas terras da ordem. D. Gualdim Pais, faleceu em 1195, encontrando-se sepultado na Igreja de Santa Maria do Olivais em Tomar.

.Quem somos

.pesquisar

 

.Maio 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
28
29
30
31

.actividades realizadas